Encuentro Transfronterizo de Profesionales de Museos – Encontro Transfronteiriço de Profissionais de Museus

Museos y Accesibilidad – Museus e Acessibilidades

Comunicações /colaborações/ pósters 2014

Comunicações:

-Francisco Tomás Cerezo Vacas, MEIAC-Museu Extremeño e Iberoamericano de Arte Contemporânea de Badajoz.
“Pontes para o encontro de novos públicos en museus de arte contemporânea da listra  hispanoportuguesa”.

-Carmen Serrano Moral, Doutoranda em Facultade de Ciências da Educação da Universidade de Málaga.
“Acessibilidade online em os museus da Rede de Museus de Andalucía”.

– Águeda Beatriz Mangas Hernández, Facultade de Humanidades da Universidade de Huelva.
“O Ecomuseo como espaço de integração  social: notas sobre o Projeto para o Ecomuseu de Sanlúcar de Barrameda”.

-Thais Fernanda Alves Avelar, Universidade de São Paulo – USP
“Identidade(s) Culturais como fator de Acessibilidade(s) Museológica: Semânticas e poéticas do processo pelo olhar do público – Um estudo de caso na Pinacoteca do Estado de São Paulo”.

-Rebeca Barrón, Associação Argadini.

“Projetos Falando com a pintura, e Falando com o arte, Programa Argadini de Educação emocional através da criatividade em Museus”

-Manuel Gimeno, Fundação Orange.
“Acessibilidade nel Museu Arqueológico Nacional”

-M Olalla Luque Colmenero, Gala Rodríguez Posadas, Silvia Soler Gallero, Associação Kaleidoscope. “Da imagem a experiência multissensorial: protocolo de criação de visitas e atêliers acessível para personas com discapacidad visual nel museu. O ejemplo de Picasso nel Museu CajaGRANADA”.

-Esther Fernández Sánchez e  Antonio Pereira Albendiz, Andalucía de Museos .”Difundir e acercar o arte, projeto da web cultural Andalucía de Museus e Exposições  “.

-Ivan de la Torre Amerighi y Juan Ramón Rodríguez-Mateos, Laboratorio de las Artes. “Diálogos Públicos. Relações Arquitetura atração e desacordo entre o espectador e os centros e museus de arte contemporânea.”

-Encarnación Hernández Jiménez, Diart Cultura. “Eu sou acessível? Análise de monumentos, museus e pontos de interesse acessível para o publico jovem com deficiência.”

 

Pósters:

-Rosa Margarita Cacheda, grupo de ivestigação  IACOBUS: Projetos e Estudos sobre Patrimônio Cultural -GI-1907 da Universidade de Santiago de Compostela.

“Aceder, uma opção para tudos. Análisis dos processos de adaptação e  acessibilidade dos museus de arte contemporânea em Galiza”

-Isabel Moro Palacios, Arquivo Municipal de Piélagos, Santander.

“O Museu de Pré-História e Arqueología de Cantabria (MUPAC); proposta para um espaço sensorial e acessível “.

-Néstor Casellas Chamorro e Esther Fernández Sánchez. Museu da Autonomia da Andaluzia. “A biblioteca de mídia e sua contribuição para a acessibilidade do museu.”

 

Colaborações:

-FAICO. Centro de Inovação e Tecnologia. Sevilha “Mostra Virtual de Conteúdo Cultural em 3D”

FAICO mediante a utilização de suo centro de realidade virtual, com base em a tecnologia estereoscópica, exibera conteúdo tridimensional do museu e projetos do campo cultural feitos por a própia entidade.
Esta técnica permite visualizar em uma pantalla de 3,20 metros de largura e 2,20 metros de altura, modelos, vídeos e recriações virtuais em três dimensões com a ajuda de dois projetores e umos óculos. Esta tecnologia permite ao usuário abordagem a cultura de uma maneira diferente e innovadora, facendo crescer o atractivo do museo e potenciando tudo suo conteúdo.

 

logofooter


A %d blogueros les gusta esto: